Beatrix Potter

Beatrix Potter nasceu em 28 de julho de 1866 em Londres. Era uma menina tímida apesar de seu diário mostrar espertas palavras e críticas severas.  Potter além de ilustradora era defensora do meio ambiente. Amava animais, e por isso sua casa vivia cheia deles.

Enquanto seu irmão foi mandado para escola, Potter estudava em casa. Seu apreço pelos desenhos começou desde menina. Aos nove anos já desenhava seus personagens. Além das ilustrações era Potter quem escrevia as histórias. Escreveu e ilustrou um total de 28 livros, incluindo 23 contos que foram traduzidos em mais de 35 idiomas e vendeu mais de 100 milhões de cópias.

Sua história mais famosa é “The Tale of Peter Rabbit” ( tradução literal – A História do Pedro Coelho) – um relato das travessuras do Peter Rabbit na horta do Seu Gregório; lançada em dezembro de 1901. Depois de mandar seu livro para algumas editoras, foi recusada por maioria delas. Assim, Potter resolveu imprimir por conta própria 250 livros e o distribuiu entre familiares e amigos. O sucesso da sua história fez com que uma das editoras, a Frederick Warne & Co., voltasse atrás. A primeira impressão foi em P&B e a segunda, feita pela editora, foi colorida.

Primeira versão em P&B

Depois do sucesso Potter comprou uma fazenda onde pudesse ficar mais perto da natureza e desenhar. Ela faleceu em 22 de Dezembro de 1943 e seus livros ainda são vendidos.

Além do dom com o desenho Beatrix Potter foi também uma grande estudante de biologia e fez importante pesquisa sobre fungos. Ela também os desenhava. Uma vez queria estudar mais a respeito em uma instituição reconhecida – Royal Botanic Gardens – porém foi impedida por ser mulher. Como mulher foi proibida também de apresentar, em 1897, uma de suas pesquisas para o Linnean Society e por isso seu tio Henry Enfield Roscoe teve de apresentar em seu lugar. Em 1997, a Sociedade emitiu um pedido oficial de desculpas póstumo a Beatrix Potter pelo o jeito que havia sido tratada.

Segunda versão - colorida

Em 1934 ela deu muitas de suas aquarelas e desenhos de fungos, musgos e de fósseis para a Biblioteca Armitt em Ambleside. Depois que morreu Potter deixou alguns de seus bens para a National Trust, que faz este ano uma exposição de seus originais.

Alguns livros foram publicados sobre ela, entre eles “The Magic Years of Beatrix Potter” de Margaret Lane. Dois filmes também narraram a vida de Potter, um em 1971 – The Tales of Beatrix Potter – dirigido por Reginald Mills e outro em 2006 – Miss Potter – estrelado por Renée Zellweger.

Assista o trailer de Miss Poter:


Para saber mais sobre a Ilustradora visite:

http://www.vam.ac.uk/collections/prints_books/features/potter/index.html

http://www.library.pitt.edu/libraries/is/enroom/illustrators/potter.htm

http://www.beatrixpottersociety.org.uk/

Site oficial de Peter Rabbit: http://www.peterrabbit.com/

[nggallery id=9]

5 comentários em “Beatrix Potter

  1. Os desenhos dela são maravilhosos, verdadeiros clássicos. Dos vários estilos de ilustração nos quais pretendo me aprofundar, certamente o estilo de Beatrix Potter é um deles.

    ps1: Adoro o blog! Parabéns e muito sucesso!
    ps2: rolou uma escapadinha “Harry Potter” aí! ;D

    • Obrigada pelo comentário Luana! :) malz…já arrumei! Ficou na cabeça pq ia comentar que há um boato de que a autora de Harry Potter tinha dado este nome ao personagem por gostar muito da Beatrix! Outra referência a Beatrix nas obras de Rowling seria Beatrix Bloxam, uma escritora de livros infantis no universo de Harry Potter. Será? bjos

  2. Também tinha o desenho, que passava na Tv Cultura! A abertura é ótima, é toda em live acition e mostra a relação próxima com os animais (seus personagens) e tal. E a animação é bem bonita, fiel às ilustrações, além da dublagem ser boa também. Em uma das histórias tem até o Hugh Laurie! haha

    Não sei se animaram todas as histórias, mas são várias.

    Episódio 1 do Peter Rabbit, com a abertura: http://www.youtube.com/watch?v=sld2Cjcf_Pw

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *