BELADONA no Catarse

beladona1

Beladona é uma webcomic escrita por Ana Recalde e desenhada por Denis Mello, publicada todo sábado no Portal Petisco. Para quem gosta de histórias assustadoras, envolventes e com boas referências Beladona é um achado.

Agora é possível que o quadrinho se transforme em livro via Catarse. Fiz uma pequena entrevista para entender o trabalho da Ana e como se deu esse processo de criação do Beladona. 

 Corre lá! Leiam e não deixem de apoiar!!! Faltam 7 dias para que se torne realidade!!

 

Beladona2

Lady’s – Primeiro fale da Ana roteirista. Qual sua primeira experiência com o roteiro e porque escrever Hq’s.

Meu pai era colecionador de Hq’s, e aprendi a gostar de quadrinhos com ele, e essa paixão aumentou na adolescência.

Agora com roteiros, eu trabalhei com televisão desde os 15 anos e já tinha contato com o que era roteiro de televisão. Antes do meu primeiro roteiro de HQ, eu fiz muitos roteiros pra TV. Essas duas paixões se juntaram quando eu tive a ideia para a Patre Primordium, e também foi quando eu comecei a estudar estrutura de roteiro para quadrinhos, que já é bem diferente da estrutura para TV ou cinema.

Eu fiz o meu primeiro roteiro de quadrinhos em 2005.

Lady’s – Como surgiu a ideia de fazer a Webcomic “Beladona” e sua parceria com Denis Mello?

A Beladona veio de um convite do Kadu Simões, editor do site Petisco, para que eu entrasse no time durante a rio comic-con de 2011. Eu já conhecia o Denis de outros eventos de quadrinhos no rio mas nunca tinha visto o traço dele com uma história de terror, apenas com histórias de cotidiano. Mas ao fazer alguns desenhos ao vivo, eu vi que o uso dele do pincel e do nanquim era fantástico.

Então, já de uma vontade de trabalhar com o Denis, somada ao convite do Kadu, eu usei a ideia de uma velha personagem minha de RPG. Claro que trabalhei melhor a história, e tá tudo aí no site, para quem quiser ler!

 beladona3

Lady’s – Quais foram as suas referências para a história e pq escrever uma hq de terror?

Eu sou apaixonada por terror, filmes, histórias, música, RPG. Eu gostava muito de ler Lovecraft quando era adolescente. E um segredo: eu morro de medo!

A história de terror é uma forma de canalizar esse medo, para tentar lidar com ele.

Pra história em si, os vilões têm referência em lendas urbanas e medos comuns das pessoas, então temos, a loira do banheiro, o homem do saco e por aí vai.

Tem uma referência que eu sempre uso nos meus trabalhos, que é o Neil Gaiman e o Sonhar, mas acho que isso fica claro na história.

beladona4

Lady’s – Agora a HQ Beladona vai sair da internet e pular par o papel, o que a hq impressa vai ter de diferente da webcomic?

Tem duas histórias inéditas que sairão apenas no impresso, além de muito making-off.


Lady’s – Como foi ter ganhado o prêmio hq mix e como está sendo o retorno sobre a HQ?

Observação (não ganhamos o HQ Mix, fomos apenas indicados duas vezes).

As duas indicações ao hq mix, mostram pra mim e pro Denis que a gente está no caminho certo, e nos deixou muito orgulhosos do nosso trabalho.

Temos um bom retorno dos fãs, mas bem que eu queria mais comentários no site! Pelas vistas, sabemos que tem bastante gente lendo, mas pouca gente comentando. O retorno bom mesmo é nos eventos, que aí conseguimos perceber quanta gente gosta do Beladona!

beladona5

Lady’s – Faça o jabá do projeto!

A história se passa em dois mundos: Primeiro o mundo real, especificamente no Rio de Janeiro. Mas não o das praias, nem nenhum dos estereótipos, apenas se passa na cidade e isso pode ser visto eventualmente, como no Colégio Pedro II onde a personagem estuda além de uma passagem pela Lapa e demais detalhes de ambientação. Segundo, e que na verdade é onde se passa a maior parte de nossa história: um mundo que chamaremos a principio de ‘mundo dos pesadelos’.

Nesse mundo dos pesadelos, Samantha é perseguida constantemente por espíritos que a atormentam e que claramente desejam seu mal, mas isso tudo tem um propósito sinistro e que a levará a uma jornada com momentos de superação, descoberta, euforia, depressão e violência.
O terror empregado em Beladona também varia, passeando pelo terror de susto no primeiro capítulo, subindo ao terror psicológico no segundo, e o clima de terror não se limita ao mundo dos pesadelos.

Uma das partes mais ricas da história são as técnicas empregadas na concepção das páginas. A narrativa, as cores, o traço… tudo influencia a relação e o sentimento que o leitor terá com cada página, o ajuda a se situar perfeitamente sobre o mundo e o local em que estamos naquele momento, a fluência entre os quadros favorecendo a imersão do leitor na história junto com a personagem.

Considerando o carinho e o retorno de nossos leitores e críticos, foi decidido dar um acabamento de primeira linha para a versão impressa desse material. Portanto, apesar de ser um projeto independente e de produção compartilhada com o publico através do Catarse, as especificações técnicas são iguais ou superiores às dos principais lançamentos editoriais do mercado brasileiro.

Para isso, precisamos alcançar a meta de R$30.000, o que a principio pode parecer alto, mas considerando o nível do material que queremos entregar nas mãos de nossos leitores, verão que é um valor justo e coerente:

A produção do livro será feita através do Catarse e com liberdade editorial dos autores, mas felizmente encontramos na AVEC uma parceira de braços abertos que irá nos ajudar com a distribuição do material para livrarias de todo o Brasil, afinal de contas publicar um livro lindo desses e não colocá-lo no seu devido lugar seria realmente um pecado. Ainda contaremos com a colaboração da AVEC para tradução do material, que ganhará uma versão e-book em Inglês!

Além do quadrinho o colaborador recebe em casa o livro de RPG que trará o UNIVERSOEXPANDIDO DE BELADONA, com muitos detalhes sobre o que é o outro mundo, como ele funciona, porque algumas pessoas podem acessá-lo, porque elas podem fazer o que fazem nesse lugar. Explica toda a conjuntura política em que esse mundo se encontra e toda uma série de detalhes que ajudarão os leitores a entender de forma muito mais profunda e completa a história, estabelecendo um universo rico em personagens e situações possíveis de se adaptar para aventuras de terror.
O livro pode ser um belo material de consulta, além de ter um sistema próprio e simples, que facilitará incorporar o cenário da história no seu próprio jogo ou criar uma campanha dentro do nosso sistema.

Para saber mais sobre a AVEC editora, basta acessar o site deles! aveceditora.com.br

Leia Beladona!
Curta nossa página no Facebook e fique sempre atualizado!
Entre para o nosso grupo e garanta uma recompensa exclusiva!

 

2 comentários em “BELADONA no Catarse

  1. Pingback: Pré-Indicação ao HQMIX | Lady's Comics

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *