Berço de Corvos

“Você acolheu o garoto porque lhe pareceu doce. Porque era tão jovem e tão triste que lhe pareceu inofensivo. Disse que tinha dinheiro para pagar você por cinco dias, Que quando você partisse, ele se enforcaria.”

Parada na estante desde que minha filha nasceu a História em Quadrinhos “Berço de corvos” dos espanhóis María Zaragoza (roteiro) e Dídac Plà (ilustrações), me chamava muita atenção por sua capa. Nela está a figura de um homem e de uma mulher de uma forma muito parecida com a obra O Beijo de Klimt. Sempre olhava pra ela e me dava muita vontade de ler. Demorei um pouco para tirá-la da estante porque me parecia uma história triste. E é.

O garoto resolve ter a companhia de uma prostituta durante seus últimos dias de vida. Ele decide que em cinco dias irá se matar. A mulher ruiva com rosto marcado por um passado violento decide aceitar. Os dois desenvolvem uma relação estranha num quarto sórdido, tendo por vezes a morte como conselheira. A HQ faz muitas referências a grande obra espanhola Dom Quixote de Miguel de Cervantes. E assim como Dom quixote, as fantasias desses personagens são sempre desmentidas pela dura realidade. É na fantasia que eles buscam a  todo momento se refugiarem da dor. Será que vão conseguir?

A obra “O Beijo” de Klimt e a capa de “Berço de Corvos”

A arte feita por Dídac Plà é caracteristica do ilustrador e visivelmente inspirada no cubismo, devido a geometrização das formas e volumes. Em raros momentos utiliza a fotografia para expressar um momento. María Zaragoza nasceu em Madrid em 1982 e se criou em Campo de Criptana. Se formou em psicologia e possui um currículo extenso e premiado. Sua única experiência com HQ foi “Berço de Corvos”. Em entrevista ao site Abc.es María disse que “siempre me ha interesado no lo que la gente muestra, sino aquello que pretenden ocultar a toda costa: sus miedos, sus deseos, sus inquietudes, sus miserias.”

Neste link, da editora Saraiva, você pode ler 16 páginas da HQ.

A HQ Berço de corvos  é da Editora Arx tem formato 17 x 24,5 cm e 96 páginas coloridas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *