Billie Holiday, de Muñoz e Sampayo

No ano de 1989, 30 anos após a morte de Billie Holiday, um jornalista precisa escrever uma matéria sobre a cantora e compositora norte-americana de jazz, apesar de não saber quem ela foi. Essa é a premissa da história dos quadrinistas argentinos José Muñoz (ilustrador) e Carlos Sampayo (roteirista). Enquanto escuta o disco Lady in Satin (talvez…

Leia mais →

Chora Lombar

Antes de ser mãe do Vicente, a Thaiz era a Thaiz. E somada a um novo mundo, que é a chegada do bebê, a gente vira “tudo”. E nisso, “se vira”. Puxamos os cabelos. E a cada dia aprendemos. Sendo mãe solo, incluímos outras vivências – muito bem apresentadas por Thaiz Leão. Mas o que…

Leia mais →

Carolina, uma biografia necessária

“Onde já se viu uma coisa dessas, uns homens grandes tomando brinquedo de criança! Deixe estar que eu vou botar vocês todos no meu livro!”, bradou Carolina Maria de Jesus, em 1958, para marmanjos que estavam ocupando um parquinho recém-inaugurado na favela do Canindé, em São Paulo. As palavras, proferidas como ameaça, se tornariam a…

Leia mais →

Cerulean: sereias e celulares

O texto a seguir não contém spoilers. Para uma sereia míope, deve ser bem difícil enxergar debaixo d’água. Já usar o celular não é coisa tão complicada: basta uma daquelas bolsinhas à prova d’água que vendem nos parques aquáticos… É assim que Cerulean, personagem que dá nome ao novo quadrinho de Catharina Baltar, dá seu…

Leia mais →