Edwina Dumm e seus cães


Edwina era uma adoradora de cães e retratava isso nos seus quadrinhos. Primeira mulher a trabalhar com cartum editorial (1915), antes mesmo de ter direito ao voto. Frances Edwina Dumm nasceu em 1893 e manteve durante seis décadas a tira “Cap Stubbs e Tippie” sobre um garoto (Cap Stubbs) e seu cão (Tippie). Ela começou no jornal Columbus Daily Monitor, e além de quadrinhos trabalhou com ilustradora freelancer.

Edwina, como assinava em seus desenhos, fez o curso de ilustração e cartum via correspondência e ajudou, junto com outras mulheres desenhistas, a ampliar por meio de suas charges a importância do movimento feminista na época. Vinda de uma família de jornalistas, Edwina viu um futuro em New York e pra lá se mudou. Foi no central Park, passeando com seu cachorro vira-lata, Lily Sinbad, que a cartunista tinha novas histórias.

Outros trabalhos (ou cães rs) de Edwina foram “The Meanderings of Minnie”, também sobre um menino e seu cão, “Sinbad”, também sobre um cachorro , ilustrou poemas entre eles poemas de Burges Johnson (1877-1963) e depois disso, desenhou mais um cachorro, “Alec the Great” para os textos de seu irmão que eram publicados em jornais.

Tippie”, como foi chamada a tira no final, parou de ser publicada em 1966, quando a cartunista resolveu se aposentar e cuidar de idosos que acolheu em seu apartamento em NY. Ela foi premiada com o National Cartoonist Society Golden Key, em 1978. Morreu em 1990 aos 97 anos.

Para ver mais desenhos dela acesse: http://www.comicartfans.com/comic-artists/edwina_dumm.asp

[nggallery id=22]

2 comentários em “Edwina Dumm e seus cães

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *