Formada em filosofia pela Universidade de Santiago de Chile (USACH), Katherine trabalha como professora e pintora com habilitação em cinema, televisão e publicidade. Artista autodidata, começou a escrever e desenhar histórias em quadrinhos em 2008, em seu blog, mas foi em 2012, após participar da 4º Feria de Cómic en Plaza Brasil em Santiago, que começou a publicar de forma independente suas HQs. As temáticas centrais em seu trabalho são gênero, sexualidade e feminismo, realizadas sem roteiro prévio, fazendo uso de sua intuição e de autobiografia para expressar sua visão de mundo. É criadora do coletivo feminista de quadrinhos Tetas Tristes Cómics, onde tem realizado várias exposições e debates para aprofundar o conhecimento sobre a relação entre gênero e histórias em quadrinhos no Chile. Suas publicações podem ser encontradas nos links seguintes: ISSU ou Tumblr.