Persépolis e Marji – Parte 1

Com a adaptação de Persépolis para o cinema em 2007, rendendo muitos prêmios, o graphic novel passou a ter mais admiradores.

Com os traços simples em preto e branco, com uma narrativa que prende e emociona nas situações tão rotineiras e simples da vida. É dessa forma que Marjane Satrapi conquista.

Persépolis veio com um intuito de contar a vida da autora, mas nos faz ter uma visão de quem vivenciou a revolução islâmica e nos mostra de forma natural como os fatos ocorreram – na perspectiva de criança à pré- adolescência de Marjane.

Trago a primeira parte sobre a personagem com um simples infográfico sobre a menina de Persépolis.

Fiquem a vontade de comentar e nos acrescentar sobre sua opnião desse graphic novel.

Bem, até a segunda parte do post – que traremos um pouco sobre a Marjane adulta de Persépolis com outro infográfico.

Trecho do filme Persépolis:
“Punk is not ded”
[youtube=http://www.youtube.com/watch?v=znSU-cNIJ2A]

5 comentários em “Persépolis e Marji – Parte 1

  1. Infográfico ótimo, para uma graphic novel excelente e longa metragem idem.

    Amo Persépolis porque amo me afundar num contexto histórico tão complexo e em estilos de vida tão distintos dos nossos.

    O ambiente é incrível, a história é contata numa linguagem dinâmica, as personagens e os traços são cativantes.

    <3

  2. Pingback: 33 HQs para o dia da Mulher | Lady's Comics

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *