Jornalista argentina formada na Universidad Austral (Buenos Aires) e pós-graduada pela Academia Brasileira de Jornalismo Literário (São Paulo). Junto com João Varella, venceu o prêmio Proyectando Valores 2006 da Câmara Argentina de Anunciantes e escreveu o livro Curitibocas – Diálogos Urbanos.
Trabalhou durante quatro anos como repórter na Editora Abril e desde 2013, é editora e sócia na Lote 42. Organizou o livro Queria Ter Ficado Mais, com histórias de viagens de mulheres, e está traduzindo a novela gráfica QP, de Powerpaola. Também cuida da Banca Tatuí, espaço de publicações independentes de São Paulo, e organiza a feira Miolo(s), na Biblioteca Mário de Andrade.