As quadrinistas no Rio Comicon 2011

O Rio Comicon começou hoje na Estação Leopoldina e vai até o dia 23 de outubro. Por mais que o Lady’s neste ano não participe (confira os posts do ano passado), trazemos uma pequena biografia das quatro mulheres que estarão presentes nessa segunda edição:

Junko Mizuno (Site oficial)


A mangaká já foi pauta aqui no blog, com o estilo kawaii noir (fofo grotesco) é o diferencial do seu trabalho, não só explorados nos mangás, mas como em toy art, arte para clubes noturno e camisetas. Seus personagens com aspecto ingênuo são envolvidos em situações e cenas muito bizarras. Mizuno mistura o estilo pop art japonês e psicodélico nos elementos escolhidos para compor os seus diversos trabalhos – como no comic “Cinderalla”.

Érica Awano


Junto com Junko Mizuno, as duas estarão no encontro “Mangaká”, às 14h10 no domingo. A quadrinista brasileira começou sua carreira com o mangá “Mega Man”, em 1996, a partir dai não parou. Seu traço esteve presente em “Street Fightrer Zero 3”, “Holy Avenger” (o mangá nacional mais conhecido, teve 40 edições), a adaptação para quadrinho do jogo “Warcraft”, “Alice nos País das Maravilhas” (com roteiros de Leah Moore e John Reppion), “MSP 50” e seu último trabalho, em 2011, “Dragon Bride – A Noiva do Dragão”. Confira a conversa com a quadrinista no post “Um mangá aqui, uma conversa acolá” feito pelo Coletivo.50 para o Lady’s.

Ulli Lust (Site oficial)

A austríaca faz jornalismo em quadrinhos, em sua maioria, seus temas são o cotidiano de sua cidade, Berlim. Ela já transitou pelo HQ erótico, “Springpoems/Airpussy”, e pelo autobiográfico que foi premiado, “Hoje é o último dia do resto da sua vida”, sobre sua juventude. Há dois dias, em Curitiba, teve a abertura da exposição “Quadrinhos documentais – Ulli Lust”, com a presença da quadrinista. Mais informação sobre a mostra no site Goethe. No sábado, 22 de outubro, o encontro “Caminhos digitais” terá a presença de Lust.

Caterina Crepax (Site oficial)


Arquiteta (trabalha com design de interiores e exposições), estilista, artista plástica e filha de Guido Crepax (autor de Valentina). Ela estará presente tanto no encontro, às 16h50 deste domingo, quanto participando da exposição “As filhas do italiano Guido Crepax” com suas roupas feitas de papel. Caterina foi curadora e já fez a interessante exposição “Valentina, la forma del tempo”. Há uma entrevista com ela, em italiano, sobre seu trabalho diversificado e de seu pai no site Los spazio bianco.

Exposição “CLAMP – As Rainhas do Mangá”

Ageha Ohkawa, Mokona, Tsubaki Nekoi e Satsuki Igarashi

O grupo CLAMP (site oficial), composto por quatro japonesas, terá uma mostra de seus trabalhos. Cada vez mais elas conquistam fãs aficionados pelas histórias de inúmeros gêneros explorados em seus mangás. Confira o post do Lady’s sobre o CLAMP.

O evento de 2011 está bem recheado, conta com a participação de 33 convidados, oficinas, encontros e debates, sessão de autógrafos, concurso de cosplay e um colóquio internacional filosofia e quadrinhos.

Para mais informações: Site oficial do evento | Facebook | Twitter


Bom evento para os que forem e acompanharemos os comentários e sites que farão cobertura do Rio Comicon. :)
Nós do Lady’s ficaremos esperando por vocês no Festival Internacional dos Quadrinhos em Belo Horizonte entre os dias 9 e 13 de novembro. Até lá! :D

3 comentários em “As quadrinistas no Rio Comicon 2011

  1. Meninas, parabéns às 3.
    Adorei encontrar um blog tão singular, tão feminino e tão incrível quanto o de vocês. Dá para sentir a paixão que vocês têm pelos quadrinhos.

    Gostoso de ler. E as ilustrações, lindíssimas. ;)

    Beijos

  2. É impressionante que uma cidade do tamanho e com o público de São Paulo não tenha um evento específico de quadrinhos como a Rio Comicon e o FIQBH. Será que ficaremos eternamente com a Fest Comix, que nada mais é do que um “feirão” de descontos?

Deixe uma resposta para Tatiana Giglio Cancelar resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *